Sente-se com pernas cruzadas, coluna reta, respiração natural.
Traga para sua mente a visão de uma cachoeira, visualize acima da queda d'água, seres espirituais do seu sistema de crença (santos, anjos, xamãs, orixás, etc).
Entre na cachoeira e tome banho, perceba no corpo onde estão guardadas as emoções negativas, seus desencantos, as doenças físicas... Sinta a água retirando, limpando e tudo sendo carregado pela água. Chame para a cachoeira, uma pessoa com a qual, você teve algum conflito.
Visualize a pessoa tomando banho na cachoeira e se purificando. Aproxime-se da pessoa estenda as mãos com as palmas para cima, ela também toca suas mãos.

Olhe nos olhos dela e diga:


Eu sinto muito;
Eu peço perdão;
Eu amo você.

Abrace a pessoa, visualize os seres de luz envolta de você e da pessoa e fale murmurando:

É isso que os seres de luz esperam;
Que haja paz dentro de nós;
E assim cumpriremos nossa missão.


Saia da cachoeira e deite no chão. Os seres de luz ficam ao seu redor e a luz do sol entra no seu corpo, pelo alto da cabeça indo até a sola dos pés. O mesmo ocorre com a pessoa que você convidou. Seu corpo físico se torna um corpo de luz e se mistura aos corpos de luz dos seres que lhe apoiaram, fazendo você relembrar a sua missão na Terra... que é expressar luz através da matéria (corpo físico).
Respire profundamente, sentindo seu corpo, gire os punhos, os tornozelos, abra os olhos.

Essa meditação foi sugerida por um índio do mundo espiritual, quando eu atendia um cliente, durante uma sessão de terapia.

Eu desejo de coração que você usufrua dessa singela meditação.

Muita luz!
Madalena Melchizedeck



Sobre esse blog

Seguidores